Área do cliente
10
out

Como a controladoria impacta nos resultados de gestão de sua revenda de automóveis?

Com as mudanças cada vez mais rápidas na maneira de trabalhar das empresas, a busca por maior eficiência  ou seja, melhores resultados e custos mais baixos precisa ser revista. No mercado atual, os processos, a padronização e os controles internos têm tido cada vez mais importância.

Para que os procedimentos da empresa sejam feitos de maneira eficaz, é preciso controlar as ações a fim de evitar desvios dos padrões estabelecidos. E é nesse ponto que cabe falar da controladoria.

Trata-se de um conceito multidisciplinar, que tem origem tanto na contabilidade, quanto na economia, e em outras áreas como na administração, na estatística e até mesmo no mercado financeiro. Sendo assim, falamos de algo que se tornou uma ciência bastante complexa, pelo fato de envolver diferentes conhecimentos científicos de várias áreas.

Para que serve a controladoria?

A controladoria busca estabelecer, implantar e monitorar sistemas de controle interno, com o objetivo de proporcionar ao gestor informações precisas para que ele possa tomar suas decisões com maior assertividade.

Em uma empresa, este setor produz informações operacionais sobre os diferentes níveis de negócio, além de dados sobre o trabalho administrativo, informações contábeis, financeiras, econômicas e mercadológicas.

A controladoria se encarrega dos sistemas gerenciais da empresa, dos sistemas de informação e dos controles internos preestabelecidos. Nesse sentido, ela age procurando saber se os mecanismos estão sendo seguidos de maneira adequada e se há alguma possibilidade de melhora.

Para tanto, é fundamental que o setor tenha independência visando garantir as normas, bem como os procedimentos e controles internos.

Essa autonomia diz respeito à pirâmide organizacional nos diferentes níveis. Desde o nível operacional, definindo normas e monitorando os controles internos, bem como os sistemas, até chegar ao topo da pirâmide, onde a controladoria estará presente junto ao gestor fornecendo a ele as informações necessárias.

Em quais departamentos a controladoria atua?

Considerando que a controladoria ocupa na empresa uma função de assessoria, podemos pensar na pirâmide organizacional, na qual existem três níveis, sendo eles o básico (operacional), o intermediário (gerencial) e o nível estratégico.

Assim, a controladoria vai estar presente junto ao nível estratégico, também ocupando uma posição de consultoria, de tal maneira que todos os departamentos abaixo estarão sob sua responsabilidade no sentido de serem orientados, monitorados em relação a todos esses controles e mantidos a par das informações necessárias para a competitividade e a eficiência.

Pequenas empresas podem ter controladoria?

Não existe uma restrição quanto ao tamanho das empresas que podem ou devem usar a controladoria. Entretanto, por uma questão cultural, a controladoria costuma estar presente de maneira efetiva nas médias e grandes empresas.

Isso acontece porque em empresas menores o controle geralmente é realizado por um empresário, que na maioria das vezes é o próprio dono do empreendimento. Independentemente disso, a função de controle é exercida, ainda que para este empresário o desafio seja justamente não conhecer os pormenores da controladoria e como lidar com o processo em função de resultados práticos.

Isso não significa que seja impossível implantar a controladoria em pequenas e médias empresas. Esse serviço pode ajudar as micro e pequenas empresas a obter benefícios, oferecendo uma metodologia prática capaz de auxiliar em pontos essenciais da organização, tais como planejamento estratégico, tático, operacional, de orçamento, além de oferecer contribuição no desenvolvimento de um plano de negócios, otimizando a condução dos negócios e permitindo lucros mais significativos.

Como medir a eficiência de uma empresa?

Para atingir objetivos, é preciso primeiramente planejar ações. Assim, a controladoria age para conferir se os resultados são exatamente aquilo que haviam sido planejados. Dessa maneira, quanto mais os resultados estão próximos daquilo que foi previamente visualizado, melhor para a empresa, ou seja, é preciso ter foco no planejamento estratégico.

Por isso é importante que o controle também esteja presente em etapas iniciais da elaboração de objetivos da organização.

Quais as qualificações exigidas para um profissional de controle?

O profissional ou a equipe especializada precisam conhecer na essência o negócio da empresa em questão, da mesma forma que é preciso obter conhecimento de áreas como contabilidade, economia, administração, gestão, estatística e também do mercado onde está inserida a organização. É necessário ter uma visão generalista e multidisciplinar para acompanhar os processos.

Qual é o perfil do profissional da controladoria?

O profissional da controladoria deve ser extremamente atualizado e ter significativo conhecimento de mercado e de negócios de uma maneira geral, além de estar atento às suas mudanças e inovações.

É importante que o funcionário de controladoria esteja constantemente envolvido com a área em que a empresa atua, tendo também conhecimento sobre os conhecimentos que fazem parte da controladoria como uma ciência multidisciplinar.

Quem exerce o controle também toma decisões dentro da empresa?

Não. O controle serve especificamente para fornecer dados informativos relevantes para o gestor, cabendo a este tomar suas decisões com base nas informações recebidas do controle. Na empresa cabe sempre ao gestor trabalhar com a orientação recebida, nunca ao controle.

Recursos tecnológicos podem auxiliar a controladoria?

Com os benefícios da evolução tecnológica, o controle pode obter os dados necessários para fazer uma análise ampla e cuidadosa do funcionamento da empresa em um sistema de informações.

Neste caso, é fundamental contar com um software de gestão capaz de auxiliar no controle efetivo dentro de cada organização. Essas ferramentas podem direcionar as organizações para uma interação entre as diversas áreas envolvidas no processo de gestão, proporcionando maior confiabilidade, gerenciamento e análise de dados.

Assim, cabe à controladoria fazer parte do planejamento, estando sempre alinhada com os objetivos, além de participar do processo de desenvolvimento da estratégia da empresa.

Como obter melhores resultados com a controladoria?

No atual momento em que nos encontramos, o cenário se apresenta em constante transformação. Isso significa que, hoje em dia, o grande desafio das empresas é que elas estejam sempre atualizadas, de modo a conseguir enfrentar as eventuais mudanças que o mercado irá impor num futuro cada vez mais próximo. Assim, a controladoria surge como uma aliada estratégica.

Essas mudanças exigem avanços, e é nesse aspecto que a controladoria pode melhorar a qualidade e clareza das informações e oferecer a parceria necessária para o desenvolvimento da organização.

Podemos ajudar sua empresa nesse processo. Entre em contato conosco e conheça os produtos que podemos oferecer.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários do blog são via facebook. Para comentar você tem que estar logado lá.
Lembre-se que o comentário é de inteira resposabilidade do autor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CONTATO

  • Cascavel - Paraná
    Rua Minas Gerais, 1097 - Centro
  • (45) 3301-5050
  • comercial@tecinco.com.br

TRABALHE CONOSCO

  • ASSOCIADOS

  • CONHEÇA OUTROS PRODUTOS

  • PROJETOS SOCIAIS

REDES SOCIAIS

Agência de Publicidade e Criação de Sites Ícone Cascavel