Área do cliente
18
jan

5 erros que você não pode cometer na gestão de estoque

Uma gestão de estoque eficiente é um fator de sucesso para qualquer organização que tenha como principal atividade oferecer um produto ao consumidor. Mesmo cientes dessa importância, muitas empresas ainda possuem um gerenciamento ruim.

Seja por falta de tempo, falta de preparo ou até mesmo falta de compromisso com o crescimento da companhia, existem erros muito comuns de acontecer e que colocam em dúvida o trabalho de um profissional deste setor.

Se você quer se tornar referência em gestão de estoque e deseja contribuir para o aumento da competitividade da empresa, confira abaixo quais são os erros que não devem ser cometidos!

1. Não fazer o inventário de estoque

Negligenciar o inventário de estoque é mais comum do que se imagina. Errar nessa tarefa, seja por não fazer ou por inventariar de qualquer maneira, reduz a capacidade de negociação e demonstra descuido com as metas de crescimento da organização.

Se você não realiza o inventário devidamente, mude essa atitude imediatamente. Se o seu caso for falta de preparo para executar essa função, corra atrás do conhecimento para garantir que o fluxo de mercadorias aconteça de maneira correta.

O ideal é delegar essa atividade para um, ou no máximo dois colaboradores para que a gestão ocorra de maneira eficiente e para facilitar a supervisão.

2. Não utilizar um software de gestão de estoque

A cada dia que passa nos deparamos com as evoluções tecnológicas. Essa grande quantidade de ferramentas que encontramos no mercado permite que a empresa escolha uma que melhor atenda as necessidades de gerenciamento.

Na medida em que os softwares são atualizados, eles também são aperfeiçoados. A evolução desses meios reduz consideravelmente as chances de erros na administração de um estoque e traz maior segurança para a tomada de decisão.

Além disso, o setor ganha em agilidade devido à fácil localização do produto, melhora a análise das entradas e saídas de mercadorias e a equipe passa a ter acesso a relatórios importantes como relação de validade, valor agregado pelo armazenamento, etc.

Caso sua empresa possua um software, não deixe de treinar sua equipe para utilizar corretamente essa ferramenta, pois de nada adianta investir em uma tecnologia se o seu retorno não conquistar o esperado.

3. Manter o estoque sujo e desorganizado

Normalmente causado pela falta de comprometimento do responsável pelo estoque e pela falta de treinamento da equipe, a desorganização e a limpeza abaixo do ideal podem causar uma série de prejuízos para o negócio:

  • Utilização incorreta das mercadorias, principalmente em relação à data de validade;
  • Atrasa a localização e a reposição dos produtos;
  • Dificulta a contagem de inventário;
  • Dificulta a identificação de desvios;
  • Atrai animais como insetos e ratos, por exemplo.

4. Não ter uma boa relação com os fornecedores

Os fornecedores são parceiros importantes para uma empresa. Além de serem os responsáveis pelo reabastecimento, eles podem contribuir em situações de reposição de emergência, podem acelerar o tempo de entrega e até mesmo oferecerem bons preços.

Para manter o bom relacionamento, é fundamental que a organização não atrase o pagamento e que tenha uma comunicação sólida com os fornecedores.

5. Ter muitos produtos que não estão tendo rotatividade

Produtos parados no estoque significa perda da capacidade de investimento e de liquidez de uma empresa. Manter mercadorias sem rotatividade gera custos de manutenção e representa um capital sem giro.

Esse erro demonstra que o responsável não está conseguindo fazer uma boa gestão e que está comprometendo diretamente o sucesso da organização. Além disso, a companhia corre o risco de perder muito dinheiro quando o produto possui data de validade.

Quando essa falha acontece, o correto é reavaliar os relatórios de vendas e a projeção para os próximos períodos. Caso exista um número alto de mercadorias próximas ao vencimento, programe uma promoção para evitar a perda total dos produtos.

Quer aprender mais sobre a rotatividade dos produtos? Então confira o nosso artigo que explica tudo o que você precisa saber a respeito da administração da sazonalidade na gestão de estoque e como evitar que ele fique parado.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Os comentários do blog são via facebook. Para comentar você tem que estar logado lá.
Lembre-se que o comentário é de inteira resposabilidade do autor.

Uma resposta para “5 erros que você não pode cometer na gestão de estoque”

  1. […] o fluxo de mercadorias e saber sobre a organização do estoque dentro de uma empresa costuma ser um trabalho demorado e tedioso. Por ser mais trabalhoso e lento […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

CONTATO

  • Cascavel - Paraná
    Rua Minas Gerais, 1097 - Centro
  • (45) 3301-5050
  • comercial@tecinco.com.br

TRABALHE CONOSCO

  • ASSOCIADOS

  • CONHEÇA OUTROS PRODUTOS

  • PROJETOS SOCIAIS

REDES SOCIAIS

Agência de Publicidade e Criação de Sites Ícone Cascavel